Com o objetivo de aumentar a visibilidade e o reconhecimento do Parque Natural Regional do Vale do Tua (PNRVT) junto da comunidade escolar e restante população, este organismo, em parceria com a OIKOS – Cooperação e Desenvolvimento, lança a iniciativa “Festi – Vale do Tua” que prevê a realização de um concurso para a produção de microfilmes sobre esta área protegida, desenvolvimento de materiais pedagógicos, encontros com a comunidade e formação de professores e alunos.

O projeto tem o prazo de dois anos e a primeira iniciativa é, precisamente, o lançamento de um concurso para a produção de pequenos filmes, com menos de três minutos, que aborde o tema Parque Natural Regional do Vale do Tua – recursos naturais e patrimoniais: proteger e valorizar. Este desafio é lançado a todos os estudantes do 3º Ciclo do ensino básico ou ensino Secundário (com idades compreendidas entre os 12 e os 21 anos) dos agrupamentos de escolas de Alijó, Carrazeda de Ansiães, Mirandela, Murça e Vila Flor, os cinco concelhos que integram a área de acção do PNRVT. As participações podem ser individuais ou em grupo e devem ser realizadas e submetidas a concurso até dia 15 de janeiro de 2018.
“A ideia nasceu da necessidade de promover a interatividade entre o Parque e a comunidade escolar da região, de aumentar o conhecimento sobre o PNRVT, o que vai levar ao reconhecimento do Parque como uma fonte de oportunidades”, defende o diretor do PNRVT, Artur Cascarejo.

De seguida o projeto prevê o desenvolvimento de materiais pedagógicos (jogos, brochuras, posters, DVDs, etc., sobre biodiversidade e educação ambiental no contexto do Parque.
Todo este material, bem como os filmes apresentados pelas escolas, vão servir de mote para a realização de encontros/mostras com a comunidade, aumentando assim a interatividade e conhecimento da população sobre o Parque, a sua missão e objetivos.
Os professores, pela importância que têm na partilha de conhecimento, podem contar com todo o apoio do Parque, para que efetivamente as ações de educação que se pretendem implementar tenham efeito.

A comunidade escolar dos cinco concelhos que integram o PNRVT inclui 750 professores e, aproximadamente, cinco mil alunos.
É sabido que quer os professores quer os jovens estudantes exercem um efeito multiplicador na comunidade, sendo imprescindível o seu envolvimento na afirmação e reconhecimento do PNRVT, como agente de conservação e preservação da biodiversidade mas, também, como promotor e dinamizador do desenvolvimento cultural, social e económico de todo o território que representa.

Para mais informações sobre este projeto, condições de participação e regulamentos, consultar: www.festivaledotua.blogs.sapo.pt.