PNRVT – Parque Natural Regional Vale do TuaPNRVT – Parque Natural Regional Vale do Tua

PNRVT - Parque Natural Regional Vale do Tua

Already a member?

PNRVT – Parque Natural Regional Vale do TuaPNRVT – Parque Natural Regional Vale do Tua
Forgot password?

Don't have an account?

PELOURINHO SÃO MAMEDE DE RIBATUA


Com vestígios arqueológicos que testemunham a presença humana desde a Pré-história, nomeadamente durante o Neo-calcolítico, como evidenciam, entre outros, os exemplares de tipologia funerária megalítica, o território correspondente, na actualidade, ao concelho de Alijó cedo mereceu particular atenção por parte dos soberanos portugueses, sobretudo atendendo ao seu posicionamento estratégico no decurso do longo processo de formação e consolidação das fronteiras nacionais, recebendo foral de D. Sancho II (1209-1248), renovado por D. Afonso III (1210-1279), e de D. Manuel I (1469-1521), que lhendoou novo foral.
De entre as freguesias que compõem o seu termo administrativo, destaca-se a de São Mamede de Ribatua, localidade que desempenhou papel de não somenos importância neste movimento, registando as inquirições realizadas em 1220 a existência, na sua paróquia, de dezasseis habitações, número algo significativo para a região naquela época. Uma relevância que, à semelhança de tantas outras aldeias, seria formalmente reconhecida com a concessão de foral, num testemunho do alcance e do reforço do poder municipal e local.
Uma autonomia materializada, entre outras estruturas, no “Pelourinho de São Mamede de Ribatua”.
Ainda que se aponte o século XII para a edificação do primitivo exemplar, o pelourinho que hoje visionamos é construção quinhentista, sendo constituído por coluna de fuste cilíndrico assente sobre soco formado por cinco degraus de planta octogonal, possuindo capitel tipo “gaiola” – um elemento decorativo tipicamente manuelino – encimado por pirâmide.

Fonte: Direção Geral do Património Cultural